Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Agroeconomia

Equoterapia ganha qualificação da Ande-Brasil

2018-10-26 11:19:00 - Jornalista: Julie Silveira
Compartilhe:  
pessoas ao redor de um cavalo
Foto: Divulgação
100% da equipe do CEM é qualificada pela Ande

Integrantes da equipe do Centro de Equoterapia de Macaé (CEM) participaram, esse mês, de um curso de qualificação certificado e autorizado pela Associação Nacional de Equoterapia (Ande-Brasil), no Centro de Reabilitação São José, em Teresópolis. Assuntos como Hipologia, ergonomia e prática de equitação foram abordados durantes as aulas, com carga horária de 48h. Com a iniciativa, 100% da equipe do CEM agora é qualificada pela Ande, entidade filantrópica e referência em ensino, pesquisa, desenvolvimento e aplicação das atividades de Equoterapia no Brasil e no exterior. O CEM, vinculado à Secretaria de Agroeconomia, beneficia 180 pessoas no município.

De acordo com o coordenador do CEM, Emerson João Pereira, três membros da equipe, sendo dois psicólogos e um fisioterapeuta, participaram do curso. Segundo ele, além de qualificar a equipe, o curso promoveu novas ideias e estratégias para um melhor desenvolvimento dos praticantes de Macaé.

"Estamos preparando uma área verde dentro do Parque de Exposições, com horta e uma fazendinha, que vai contar com diversos animais. O espaço será uma extensão do atendimento da equoterapia", pontuou Emerson.

O coordenador também destacou que o CEM irá implantar uma ação de comunicação dentro das escolas municipais. "Percebemos que muitos desconhecem nosso trabalho, portanto, uma ação de divulgação será realizada dentro das escolas. A proposta é fazer com que a população tenha acesso a equoterapia, que é gratuita e direcionada às pessoas portadoras de necessidades de desenvolvimento físico, psicológico e social ou passa por processo de reformulação e modernização", disse Emerson.

A equoterapia estimula os órgãos do sentido


O Centro de Equoterapia de Macaé conta com sete cavalos para a prática da terapia. A utilização do cavalo é um método de terapia com vários benefícios: melhora o equilíbrio e a postura; desenvolve a coordenação de movimentos entre tronco, membros e visão; estimula os órgãos do sentido; promove organização e consciência do corpo; motiva o aprendizado; aumenta a capacidade de independência e de decisão. Na região serrana, as atividades da equoterapia beneficiam oito usuários.

As atividades são realizadas por uma equipe multidisciplinar formada por condutores, fisioterapeutas, psicólogos, professores de educação física, tratadores e educadores de animais.

Para participar do programa é necessário entrar na lista de espera. A inscrição deve ser realizada no Parque de Exposições Latiff Mussi Rocha, localizado na rodovia Amaral Peixoto, s/n°, bairro São José do Barreto, de 8h às 17h. O responsável deve levar documentos de identificação e encaminhamento médico para o cadastro. A pessoa com necessidade do tratamento será avaliada pela equipe multidisciplinar do CEM.

+ Mais Notícias