Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade

Abrigo Temporário de Inverno encerra atividades com 176 acolhimentos

2018-10-31 13:43:00 - Jornalista: Carla Cardoso
Compartilhe:  
Foto de pessoas presentes no abrigo temporário
Foto: Maurício Porão / Divulgação
Durante o período mais frio do ano, 176 pessoas foram acolhidas no espaço

Após 133 dias de funcionamento, o Abrigo Temporário de Inverno encerra seus trabalhos, com o desmonte da tenda que abrigou, durante o período mais frio do ano, 176 pessoas em situação de rua. Essa foi a segunda edição do projeto, que foi montado na Praça Washington Luiz e acolheu homens e mulheres em dormitórios noturnos, com alimentação, segurança, atendimento social, cortes de cabelo e barba e orientação jurídica.

Os acolhimento e atendimento foram proporcionados pela Secretaria de Desenvolvimento Social Direitos Humanos e Acessibilidade, em parceria com a Secretaria de Ordem Pública, Cetep e sociedade civil. Durante o período, foram realizados evento de integração e confraternização com os assistidos.

O espaço contou com 50 dormitórios, masculino e feminino. Durante esse tempo, foi fornecido café da manhã no local, e almoço no Restaurante Popular. De acordo com a secretária de Desenvolvimento Social, Tatiana Pires, a população em situação de rua tem atenção redobrada nas ações da secretaria.

"Hoje, finalizamos com sucesso mais de quatro meses de trabalho diário com essa população, que tem prioridade nas nossas ações. Temos a certeza de que conseguimos alcançar o objetivo proposto por esse projeto, que foi proteger a população em situação de rua das noites de intenso frio. Agradeço aos parceiros desse trabalho, em especial, ao Exército, que todos os anos nos fornecem as camas utilizadas, além das inúmeras entidades religiosas que promoveram doações de agasalhos e alimentação com fartura, durante todo esse tempo", agradece a secretária.

Outras ações - A prefeitura conta com o serviço de abordagem social vinculado ao Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop), da Secretaria de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos. A equipe de abordagem é composta por assistentes sociais, psicólogos e educadores sociais, que realizam a busca ativa das pessoas em situação de rua. O local, que funciona na Rua José Bruno de Azevedo, 99, ao lado do Terminal Central, é um espaço para que essa população possa fazer suas refeições, higiene pessoal e guardar seus pertences.

Outro serviço é a Pousada da Cidadania, alternativa para a pessoa em situação de rua que deseja sair dessa condição, oferecendo moradia provisória. A Pousada da Cidadania tem capacidade para 50 pessoas e está localizada na rua Orlando Tardele, 206, no bairro Bela Vista. A prefeitura também conta com o programa Consultório de Rua, formado por profissionais como médicos, enfermeiros, cuidadores, assistentes sociais e fonoaudiólogos, que leva às ruas o acesso a cuidados com a saúde. Os atendimentos buscam ainda contribuir para a recondução ao lar/família e ao mercado de trabalho.

+ Mais Notícias