Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade

Programa Nova Vida retorna às atividades após período de férias

2018-02-02 17:49:00 - Jornalista: Equipe Secom
Compartilhe:  
Foto de reunião com todos os adolescentes do Programa no auditório da prefeitura.
Foto: Divulgação
Programa reúne 136 adolescentes que realizam atividades no contraturno escolar

Na tarde desta quinta-feira (1º), 136 adolescentes do Programa Nova Vida retornaram às atividades, após um mês de férias. No auditório do Paço Municipal, o coordenador do programa, Douglas Fontes, apresentou assuntos referentes à atuação dos jovens participantes, que têm idades entre 14 e 17 anos e 11 meses. No contraturno da escola, eles têm a oportunidade de vivenciar e desenvolver trabalhos educativos, sendo uma iniciação profissional de extrema importância.

Os jovens aprendizes atuam em setores da prefeitura e em órgãos federais, sempre na área administrativa. O lema do Programa Nova Vida é "Incluir para capacitar". "O Nova Vida é um programa e não um projeto. Tem como base a Lei Municipal 2.606/2005, é exclusivamente municipal, custeado pela Prefeitura de Macaé", pontua Douglas.

Na ocasião foi anunciada a intenção de se manter a parceria entre o Programa Nova Vida, da secretaria de Desenvolvimento Social, Direitos Humanos e Acessibilidade, com o setor de informática da secretaria de Educação. Também foram reiteradas a cooperação e a associação com a Faculdade Salesiana, com o Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), e com a secretaria adjunta de Qualificação Profissional.

Uma atividade que resgata a cidadania

O Nova Vida é um programa municipal que funciona há 26 anos em Macaé. Os jovens passam um turno do dia trabalhando e no outro são estudantes. Eles recebem meio salário mínimo por mês. Esta é uma oportunidade na qual aprendem a trabalhar, sendo, assim, incluídos socialmente, além de terem a cidadania valorizada.

Os adolescentes são integrantes de famílias em vulnerabilidade social e a remuneração no fim do mês representa uma ajuda aos pais e responsáveis, que arcam com a despesa da casa. O Nova Vida ainda contribui para a valorização do estudo pois, para ingressar, é preciso estar apto na escola e ter frequência escolar satisfatória.

Muitos adolescentes que hoje estão no programa são encaminhados pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), na Fronteira, ou pelo Conselho Tutelar. Inclusive, meninos e meninas da Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae) também são recebidos no programa.

O coordenador do Nova Vida finaliza destacando que a parceria com o Centro Integrado Empresa Escola (CIEE) oferece programa de desenvolvimento pessoal aos adolescente e a associação com a Faculdade Salesiana, lhes capacita todo mês em diversas áreas do conhecimento. Já o setor de informática da secretaria de Educação proporciona conhecimentos nessa esfera para os adolescentes, enquanto que com a secretaria adjunta de Qualificação Profissional, diversos cursos lhes são oferecidos.

+ Mais Notícias