Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria Adjunta de Saneamento

Elevatórias em fase de conclusão

2016-01-29 11:48:00 - Jornalista: Maria Izabel Monteiro
Compartilhe:  
Foto de homens trabalhando em canteiro de obras
Foto: Maurício Porão
Ações direcionadas ao esgotamento sanitário incluem o primeiro módulo da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE)

Estão sendo concluídas as duas elevatórias nas proximidades da Linha Verde, onde está instalado o primeiro módulo da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Centro. Essas elevatórias vão atender às demandas do escoamento do esgoto dessa estação.

As obras estão sob a responsabilidade da Odebrecht Ambiental, através da Parceria Público Privada (PPP) firmada pela prefeitura para a realização das ações direcionadas ao esgotamento sanitário do município.

A principal elevatória está sendo construída no Bairro da Glória, na Rua Professora Jacira Tavares Durval, esquina com a Rua João Batista da Silva Lessa, com capacidade de bombeamento de 514 litros de esgoto por segundo, o que representa 44 milhões de litros de esgoto por dia. A estrutura é composta por cinco bombas e um gerador para evitar a suspensão do trabalho em caso de falta de energia. Será a maior elevatória do município com capacidade para atender 70 mil pessoas.

Ela vai enviar o esgoto das redes de captação do bairro da Glória, parte do Novo Cavaleiros e parte do São Marcos.

A outra elevatória para atender ao escoamento do primeiro módulo da ETE Centro já está pronta e foi construída em área do estacionamento da Cidade Universitária/Funemac. A capacidade de bombeamento é de 60 litros por segundo, com três bombas.

Os testes para funcionamento do primeiro módulo da ETE Centro já foram concluídos. Os moradores dos bairros Vale Encantado, Glória, Granja dos Cavaleiros, parte do São Marcos, Novo Cavaleiros e Cancela Preta e que já contam com a rede de esgoto instalada, terão 90 dias para se conectar à rede de esgoto, garantindo assim um importante ganho em saúde, e qualidade de vida, além do desenvolvimento econômico para a região e preservação do meio ambiente.

É fundamental a participação dos usuários, realizando a interligação da tubulação interna do seu imóvel à Caixa de Inspeção (CI), construída na calçada. Ao ligar a rede interna do imóvel ao sistema público de coleta de esgoto, além dos benefícios para a saúde e o meio-ambiente, a eliminação de focos de mau cheiro e contaminação, o usuário também cumprirá a Lei Federal nº 11.445/07(art 45), regulamentada pelo Decreto Lei 7.217/10 (art.11) e a Lei Complementar Municipal nº 185, de 30 de novembro de 2011(art.9º), que estabelecem a obrigatoriedade da interligação de esgoto ao sistema público, tanto para edificações novas quanto para as existentes, onde houver rede em condições de atendimento.

Para atender à ETE Centro, que vai contar com três módulos, outras elevatórias ainda serão construídas. As estações elevatórias são unidades que bombeiam a água e os resíduos de esgoto, funcionando como uma espécie de filtro.

Em geral, as estações elevatórias são necessárias nos pontos mais baixos de uma bacia ou nas proximidades de rios, córregos e represas.

Junto com a construção dessas duas elevatórias, a prefeitura de Macaé, através da PPP, realizou a instalação de 42 quilômetros de rede coletora direcionada ao primeiro módulo da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE) Centro, que vai atender aos residentes nos bairros Vale Encantado, Glória, Granja dos Cavaleiros, São Marcos, Novo Cavaleiros e Cancela Preta.

A implantação dessas redes faz parte da primeira etapa das obras do Subsistema Centro, contando com a instalação do primeiro módulo da ETE, que está pronto para funcionar e com capacidade para tratar cem litros de esgoto por segundo.

Importância e benefícios da ligação domiciliar - A instalação da rede coletora e o sistema de tratamento de esgoto são essenciais para a preservação do meio ambiente, uma vez que ao ser coletado e tratado, a água volta limpa para os rios, córregos e nascentes, resultando em qualidade de vida e melhoria do potencial produtivo da população. E os benefícios não param por ai. Ao realizar a ligação, o morador estará contribuindo para a redução de maus odores, melhorias na infraestrutura do seu bairro, valorização do município e desenvolvimento turístico, além contribuir para a melhoria da saúde pública. Porém, isso só será possível se o morador realizar a conexão do seu esgoto à rede implantada pela Odebrecht Ambiental.

+ Mais Notícias