Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Mobilidade Urbana

Macaé terá primeira estação de integração de ônibus

2017-03-08 12:06:00 - Jornalista: Equipe Secom
Compartilhe:  
Imagem da estrutura no ponto de ônibus
Foto: João Barreto
A estrutura já começou a ser montada na Praça Veríssimo de Melo

A Praça Veríssimo de Melo, no centro de Macaé, ganhará, no final deste mês, a primeira Estação de Integração de ônibus do município. A estrutura que funcionará no local já está sendo montada pela equipe da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana. O principal objetivo é oferecer comodidade e agilidade aos usuários de transporte coletivo.

O projeto tem como base experiências semelhantes desenvolvidas em lugares como Blumenau (em Santa Catarina) e Curitiba (capital do Paraná). De acordo com cálculos de técnicos da secretaria, hoje um ônibus leva cerca de sete minutos no local. Com a implantação do sistema, o objetivo é fazer com que o tempo de espera seja entre 30 segundos e um minuto.

A estação terá 50 metros de extensão por 2,5 metros de largura, totalizando 125 metros quadrados. O funcionamento será de segunda a sexta-feira, das 9 às 21 horas. A entrada da estação terá duas bilheterias e, entre elas, local de acesso de quem possui gratuidade. Ao efetuar a compra, o passageiro segue por uma catraca e chegará ao interior da estrutura.

Segundo o secretário de Mobilidade Urbana, Júlio Antunes, cerca de 1,3 mil pessoas utilizam o ponto da praça diariamente. No próximo dia 25, um sábado, o projeto será colocado em prática de forma experimental. Dois dias depois, na segunda-feira, 27 de março, de maneira definitiva. O interior da estação será sinalizado, inclusive com painéis eletrônicos.

- A secretaria de Mobilidade Urbana identificou, através de medição, a demora no embarque por conta das cobranças de passagem no interior dos ônibus. Agora, com o pagamento antecipado, o usuário não precisará mais esperar. O sistema é rápido e disciplina o passageiro. A área será para embarque e desembarque -, disse Júlio Antunes.

O plano começou a ser elaborado há cerca de 40 dias. Pelo sistema, o passageiro que descer no local não precisará comprar um novo bilhete para efetuar mais um embarque em qualquer linha. Toda a execução do projeto é feita pela prefeitura de Macaé. "Não haverá nenhuma mudança de linha ou qualquer interferência no Terminal Central", acrescentou Antunes.

+ Mais Notícias
Busca

Destaque