Saúde Mental abre alas para folia

2019-02-26 11:45:00 - Jornalista: Tatiana Gama
Compartilhe:  
Foto: Ana Chaffin
Baile da Saúde Mental animou Veríssimo de Melo

O Grito de Carnaval do Programa de Saúde Mental de Macaé animou a Praça Veríssimo de Melo nesta terça-feira (26). As tradicionais marchinhas levaram a alegria para crianças, jovens, adultos e idosos. Usuários, familiares e profissionais da unidade anteciparam os festejos, com o objetivo de integrar os cinco grupos de dispositivos da rede. Máscaras, fantasias, confetes e serpentinas coloriram o ambiente.

A psicóloga do programa, Fabrice Sanches, afirmou que a ideia foi ocupar a praça em movimento de alegria e construção de afeto. "Nosso intuito é realizar o tratamento sem a necessidade de internar e conseguir inseri-los em seus próprios territórios. Portanto, a proposta é minimizar a exclusão ao portador psíquico e mostrar a importância de conviver com a diferença", acrescentou.

O evento faz parte do calendário oficial do programa e busca, também, promover resgate cultural. A secretaria de Saúde conta com cinco dispositivos de saúde mental, sendo três Centros de Atenção Psicossocial (Caps): Betinho, AD Porto e Infantil.

Para a dona de casa Janaína Regina da Silva, 41 anos, que levou seu filho de três anos ao evento, a iniciativa contribui com o tratamento de autismo do pequeno Davi. "É muito importante essa socialização. Faço questão de participar sempre das atividades", frisou.

O Caps é um órgão público de saúde mental e atenção diária criado para ser um lugar de cuidado e tratamento para pessoas que apresentam transtornos mentais sérios e persistentes, ou em razão do uso prejudicial de álcool e drogas, justificando sua permanência num equipamento de zelo integral, comunitário, personalizado e promotor de cidadania.

Busca

Acesso Rápido

Destaque