Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda

Poder público e iniciativa privada buscam fomento de negócios

2017-05-16 16:43:00 - Jornalista: Tatiana Gama
Compartilhe:  
Foto do prefeito, doutor Aluízio, falando no encontro
Foto: Ana Chaffin
Encontro discute mecanismos para aquecer diferentes setores da economia

Para fomentar a retomada do crescimento do município, o prefeito de Macaé, Dr. Aluizio, reuniu-se nesta terça-feira (16), com representantes do segmento de óleo e gás, além de empresários das áreas de gastronomia e hotelaria da cidade. A ideia foi discutir, junto à empresa organizadora da Brasil Offshore 2017, a Reed Exhibitions Alcântara Machado, ações conjuntas para a terceira maior feira do mundo na área, que conta com a parceria da prefeitura. O encontro também promoveu o debate do atual cenário econômico.

- Macaé tem 40 anos de indústria do petróleo. Temos aquilo que é mais caro: as empresas. Hoje, a nova rodada de leilões traz expectativas de trabalho em várias áreas. A feira representa o recomeço. Para isso, o governo tem atuado em diversas frentes como, por exemplo, a desburocratização dos processos para facilitar as instalações de empresas no município - afirmou.

No último mês, o chefe do Executivo participou, em Brasília, de discussão sobre a legislação e as mudanças necessárias para que os investimentos no setor de petróleo e gás retornem. A principal preocupação da gestão municipal é com a recuperação das vagas de emprego.

Para o presidente do Macaé Convention & Visitors Bureau, Guilherme Abreu, a aproximação do poder público com a iniciativa privada contribui para a vocação turística do município. "Macaé tem um potencial que vai além do petróleo. Temos serra, uma orla com 20 quilômetros, entre outros fatores que são ambientes propícios para eventos gastronômicos, esportivos e culturais", avaliou Guilherme.

O empresário do segmento de óleo e gás, Jânio Moura, disse que o relacionamento favorece o ambiente de negócios. "Acredito que com a desburocratização dos processos e o estreitamento das relações, a prefeitura possa motivar as empresas a instalar seus negócios na cidade", pontuou Jânio.

Outros pontos destacados pelo prefeito foram os avanços no marco regulatório, que desobrigou a Petrobras de ser operadora única de cada poço do pré-sal, e, ainda, a luta pela modificação da cláusula de conteúdo local, que assegura preferência à contratação de fornecedores brasileiros sempre que suas ofertas apresentarem condições de preço, prazo e qualidade equivalentes às de outros fornecedores também convidados a apresentar propostas nos contratos de concessão para exploração, desenvolvimento e produção de petróleo e gás natural.

+ Mais Notícias
Busca

Destaque