Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade

Parque do Barreto completa um ano

2017-11-28 14:10:00 - Jornalista: Equipe Secom
Compartilhe:  
Foto de crianças no Parque do Barreto
Foto: Maurício Porão
Parque está localizado em área de restinga e abriga viveiro para animais silvestres e uma estufa com diversas plantas

O Parque Natural da Restinga do Barreto completa um ano de implantação, nesta quinta-feira (30). Na programação, às 10h, cerca de 200 alunos das escolas municipais Generino Teotônio de Luna (Virgem Santa) e Olga Benário (São José do Barreto) visitarão o parque.

O coral da Olga Benário e banda da Generino Teotônio de Luna cantarão e tocarão, respectivamente, o Hino de Macaé. De acordo com o coordenador do parque, o biólogo Henrique Abrahão Charles, no período da tarde haverá slackline - um esporte de equilíbrio sobre uma fita elástica esticada entre dois pontos fixos, permitindo ao praticante andar e fazer manobras. Também serão realizados futebol feminino entre moradoras do bairro Engenho da Praia, às 15h, caminhada, queimado e pula corda.

Visitação de Escolas

Aberto a visitação de escolas municipais, o parque oferece visita guiada. O agendamento para passeio pode ser feito pelo email parquebarreto.sema@gmail.com. As visitas guiadas acontecem de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h. Centenas de alunos de instituições de ensino da rede pública de ensino têm curtido o parque, que conta com quase 32 hectares, sendo o segundo maior das Américas, em área exclusiva de restinga. Fica próximo ao Parque Nacional da Restinga de Jurubatiba e sua criação foi motivo de comemoração pela sua finalidade de preservação ambiental.

Fins recreativos

A Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade é o órgão gestor responsável pela supervisão, tutela, administração, fiscalização e normatização do parque. Sua meta é preservar a fauna e possibilitar recreação e até empreendimentos voltados para o seu uso adequado. Um parque ecológico permite que as pessoas utilizem a área para fins recreativos, tanto para a contemplação da beleza cênica da natureza, quanto para a educação ambiental. Com proteção da rica fauna local e da flora onde há plantas peculiares, o parque está no percurso de aves migratórias provenientes das regiões Norte e Sul.

Aquecimento econômico

Além do mais, o Parque Natural Municipal da Restinga do Barreto também possibilita o aquecimento da economia do entorno, com políticas e empreendimentos voltados ao uso sustentável do ambiente. No final de setembro último foi realizado um campeonato de bodyboarding, que reuniu cerca de 300 pessoas na orla do parque. O evento ainda contribui para que haja visitação pública e realização de pesquisas científicas, proporcionando atividades de educação ambiental e turismo ecológico.

Viveiro para animais silvestres

O Parque do Barreto também possui um viveiro para animais silvestres e uma estufa com diversas plantas. A área preserva o ecossistema natural remanescente da restinga da praia e recupera a cobertura vegetal nativa, restaurando a diversidade natural e garantindo a perpetuação de espécies endêmicas, raras ou ameaçadas de extinção.

Este ecossistema de restinga caracteriza-se por ser um terreno arenoso, criado pela sedimentação de rios e depósitos marítimos, ao longo de milhares de anos, com forte influência do vento, do sal, do sol e das mudanças das marés. A área possui vegetação típica, com plantas muito resistentes às variações de temperatura e aridez do solo - com cactos, bromélias e pitangueiras. Esta vegetação, capaz de preservar as dunas, é fundamental para conter o avanço do mar e preservar a exuberante fauna local.

+ Mais Notícias
Busca

Destaque