Coronavírus: Ação garante prevenção a 100 mil pessoas

2020-03-14 12:10:00 - Jornalista: Márcio Siqueira - Assessoria do gabinete
Compartilhe:  
Foto: Divulgação
Professores e educadores receberam orientações em reunião neste sábado

Ao definir a suspensão, por 15 dias, das aulas nas unidades das redes pública e privada do município, o prefeito Dr. Aluizio estima que cerca de 100 mil pessoas serão integradas a estratégia de prevenção ao contágio do coronavírus em Macaé.

Apesar do município ainda não registrar nenhum caso confirmado de contaminação, a prefeitura segue o protocolo instituído pelo governo do Estado, que também suspendeu as aulas na rede pública a partir desta segunda-feira (16).

Em reunião realizada neste sábado (14), com diretores de escolas das redes pública e privada, Dr. Aluizio reiterou que a medida segue um dos principais protocolos criados pela sociedade médica mundial, de evitar a disseminação do coronavírus através da aglomeração de pessoas.

“Só dá certo se as pessoas não contraírem o vírus. E só e possível evitar a transmissão local, que as pessoas contagiem uma às outras, evitando as aglomerações”, ressaltou o prefeito.

Com o registro de casos de contaminação no Brasil através de contaminação local, Dr. Aluízio explica que a confirmação da circulação do vírus também no Rio de Janeiro reforça a necessidade de se adotar medidas que previnam o contágio do coronavírus.

“Já existe o vírus circulando entre nós, com a transmissão local aqui no Rio. É só existe uma forma de combater: evitando a aglomeração de pessoas. Não há motivo para pânico, mas cada um precisa se conscientizar que vivemos uma situação de alerta e que precisamos cuidar das pessoas, especialmente dos idosos que é o público mais vulnerável”, explicou o prefeito.

Participaram da reunião os secretários municipais de Educação, Guto Garcia, de Relações Institucionais, Léo Gomes, e representantes do Cemac, Centro Educacional Reyder, Aprovado, Atlântico, Creche Monteiro Lobato e da Apae.

Busca

Acesso Rápido

Destaque