Educação certifica os melhores alunos da 4ª etapa do Bolsa-Escola

2020-02-10 15:04:00 - Jornalista: Elis Regina Nuffer
Compartilhe:  
Foto: João Barreto
As notas dos alunos melhoraram nas turmas do Fundamental em 95% e o índice de infrequência chega a quase zero

Os 100 estudantes do 6º ao 9º anos do Ensino Fundamental e da Educação de Jovens e Adultos (EJA), da rede pública municipal, beneficiados com o Programa Bolsa-Escola, receberão certificados e medalhas referentes ao quarto bimestre de 2019, nesta terça-feira (11), no auditório Claudio Ulpiano, bloco A, da Cidade Universitária, às 18h.

A lista com os contemplados nesta etapa do programa foi divulgada no portal da prefeitura. Recebem pagamento mensal no valor de R$ 600,00 os estudantes com as melhores notas, com base na média curricular bimestral, após avaliação própria do programa nas disciplinas de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências, Inglês, Artes e Educação Física. O programa foi sancionado pelo prefeito Dr. Aluizio e instituído pela Lei nº 4.529/2018, diretamente relacionado ao desempenho pedagógico do aluno. Em contrapartida, os contemplados atuam em atividades pedagógicas nas escolas em apoio a alunos com dificuldades, durante oito horas semanais.

O objetivo é estimular o estudo entre os alunos, contribuir para evitar a evasão escolar e melhorar a performance educacional. “O programa é uma oportunidade para a troca de conhecimento e integração entre os estudantes. O município de Macaé é referência em várias ações realizadas pela Educação e o Bolsa-Escola é uma das nossas grandes conquistas”, destacou o secretário de Educação, Guto Garcia.

O Bolsa-Escola é implementado numa parceria das secretarias municipais de Educação e Cultura. Segundo Guto, as notas dos alunos melhoraram nas turmas do Ensino Fundamental em 95% e o índice de infrequência chega a quase zero, pois todos estão se esforçando para ganhar a bolsa, que virou símbolo de competitividade saudável nas escolas. A coordenadora do programa, Larissa Tavares, disse que há alunos que permanecem no programa sendo bicampeões, tri e até tetracampeões.

Em caso de alunos com as mesmas notas, o programa prevê critérios para o desempate que são os seguintes: maior nota obtida em Língua Portuguesa, maior nota em Matemática, maior percentual de frequência total do aluno no bimestre e, por fim, o aluno com mais idade. Para receber o benefício, os contemplados precisam apresentar os seguintes documentos: cópia do CPF; cópia do cartão ou extrato de conta bancária em nome do aluno e comprovante de residência.

A Cidade Universitária, local da entrega dos certificados, está localizada à Rua Aloísio da Silva Gomes, 50, bairro Granja dos Cavaleiros.

Busca

Acesso Rápido

Destaque