Inscrições abertas para oficina de Marcenaria no Colégio Ancyra

2019-05-30 14:44:00 - Jornalista: Joice Trindade
Compartilhe:  
Foto: Bruno Campos
Vagas são para cerca de 20 alunos de outras escolas e a comunidade

Estão abertas as inscrições para oficina de Introdução à Marcenaria, que acontece no Colégio Municipal Ancyra Gonçalves Pimentel (Miramar). São oferecidas cerca de 20 vagas para alunos de outras escolas e a comunidade, a partir de 13 anos. Os interessados devem se cadastrar na sede da unidade, que funciona na Avenida Amaral Peixoto, 555, das 7h às 20h, com carteira de identidade ou certidão de nascimento e CPF.

A oficina de Marcenaria faz parte do projeto "Engenheirando para o futuro", que é ministrado pelo técnico do campus Macaé da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Elizeu Gonçalves.

Além das aulas práticas com ações de como produzir esboços como torres e casas com palitos de churrasco, eles vão aprender a lixar, montar peças, desenhar, furar, cortar e executar acabamento como pintura. Haverá também aulas teóricas de desenho e matemática.

Durante a programação realizada no contraturno, às terças das 13h30 às 16h, os alunos vão conhecer a técnica básica de marcenaria. As aulas seguem até o fim do ano letivo. A previsão é que a partir de junho sejam iniciadas aulas de marcenaria e mecânica para alunos da rede municipal na Cidade Universitária. O projeto foi iniciado no ano letivo de 2018 em parceria com o Centro de Tecnologia e Qualificação Profissionalizante da Secretaria Adjunta de Qualificação Profissional (Cetep).

De acordo com o secretário de Educação, Guto Garcia, o projeto fez sucesso no ano passado com alunos da rede municipal em uma oficina na Cidade Universitária. "Essa capacitação contribui com o desenvolvimento do aluno", pontua.

Aulas estimulam criatividade

A programação está movimentando a escola. Entre os mais animados está Alex de Jesus de Pinho, do nono ano. Para o aluno, aprender sobre Marcenaria é um sonho realizado. "Sempre fui curioso e gosto desta área. Estou muito feliz. Quero montar várias peças", conta.

Já o aluno da Educação de Jovens e Adultos (EJA), Filipe Carvalho, comentou que a oficina está permitindo maior concentração. "Fico só observando e estudando como tenho que fazer. Quero aprender a produzir muitas peças aqui. Estou gostando muito do curso", destaca.

Os integrantes também terão a chance de visitar a Cidade Universitária em espaços como o laboratório de Engenharia Civil. O próximo passo, segundo o diretor da unidade, Éder Peçanha, é promover curso avançado de Marcenaria no segundo semestre.

Busca

Acesso Rápido

Destaque