Recadastramento do Bolsa Família vai até final de abril

11/03/2013 17h29 - Jornalista: Alexandre Bordalo
Compartilhe:  
Foto: Maurício Porão
Dayane de Carvalho: 'Bolsa Família me ajuda a criar meu filho'

Os interessados em continuar recebendo benefícios do Programa Bolsa Família e ainda não foram aos pontos do recadastramento, não precisam se preocupar. O recadastramento, organizado pela prefeitura, será realizado até o final de abril. Para receber o benefício, os pais de família terão que se dirigir até um posto de atendimento mais perto de sua casa.

A diarista Dayane de Carvalho, de 29 anos, avalia que o Bolsa Família é uma "maravilha", pois a ajuda a criar seu filho de seis anos, Marcos Vinícius. Ele está no primeiro ano na Escola Municipal Wolfango Ferreira, na Fronteira. “Nesta época do ano as despesas são grandes com o material escolar e o programa é muito importante para mim”, diz Dayane, que é mãe solteira.

Do universo de 7.642 famílias moradoras de Macaé que participaram do programa no mês de dezembro do ano passado, cerca de 1,5 mil famílias já fizeram o recadastramento, desde o dia 28 de janeiro. Ou seja, uma média de cem famílias por dia útil procurando os Centros de Referência em Assistência Social (CRAS), além da sede do programa e do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti).

O Programa Bolsa Família, do governo federal, atende as famílias pobres e é voltado para o combate à extrema pobreza familiar, que acontece quando a renda per capita é de R$ 70. Dessa forma, o recebimento do benefício depende do perfil socioeconômico da família.

Um exemplo disso é o benefício fixo (R$ 70) e o benefício variável (cada criança R$ 32 e cada adolescente R$ 38). Há condições para receber essa bolsa: as crianças de seis a 14 anos devem ter frequência escolar de 85% e os adolescentes com idades de 15 aos 17 anos e 11 meses precisam ter frequência de 75%, em uma instituição de ensino pública.

No setor de Saúde, as crianças de zero a sete anos são acompanhadas para controle da vacinação, desenvolvimento e crescimento dessa faixa etária. As mulheres de 14 a 44 anos devem ser orientadas sobre o universo feminino e as gestantes e lactantes são acompanhadas por especialistas que analisam pré e pós Natal e a amamentação.

O objetivo do Programa Bolsa Família é que haja esse acompanhamento que permite qualidade de vida a esse público, garantindo acesso às políticas básicas de Saúde e Educação.

Os documentos necessários para o cadastramento e recadastramento do Programa Bolsa Família são: identidade, CPF, título de eleitor, certidão de nascimento de todos os filhos menores, certidão de casamento, carteira de trabalho, comprovante de residência, declaração de escolaridade, cartão do Bolsa Família, telefone de contato e CEP da residência.

Recadastramento: orientação é procurar local mais próximo de casa

Os interessados em fazer o recadastramento devem se dirigir ao CRAS mais perto de sua casa.

Os endereços são: CRAS Aeroporto, Rua Tenente Francisco Pires, s/nº, para os moradores dos bairros Ajuda de Baixo, Ajuda de Cima, Engenho da Praia, Vila Badejo, São José do Barreto e Parque Aeroporto, telefone: (22) 2793-0379;

CRAS Aroeira, Rua Luiz Alves Lima e Silva, s/nº, Aroeira, para os moradores dos bairros Nova Macaé, Morro de Santana, Morro de São Jorge, Horto, Jardim Santo Antônio e Aroeira, telefone: (22) 2772-1806;

CRAS Botafogo, Rua Antonio Bichara Filho, s/nº, próximo à Escola Municipal Botafogo, para os moradores dos bairros Novo Botafogo, Malvinas, Ilha Leocádia, Virgem Santa e Botafogo, telefone (22) 2772-1806;

CRAS Nova Esperança, Rua Sergipe, lote 9, esquina com a Rua Paulo Afonso, para os moradores dos bairros Nova Esperança e Piracema;

CRAS da Serra, Avenida Miguel Peixoto Guimarães 703, Córrego do Ouro, perto do Colégio Pedro Adami, para moradores da região serrana, telefone (22) 2762-7807,

Também são realizados recadastramentos no Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (Peti), que se localiza na Praça dos Servidores, s/nº, para os moradores dos bairros Barra de Macaé, Fronteira e Nova Holanda e na sede do Programa Bolsa Família, que fica na Rua Visconde de Quissamã 787, Centro, telefone (22) 2772-4093

Busca

Acesso Rápido

Transparência Macaé

Destaque