Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade

Descarte adequado de resíduos sólidos garante saúde à população

2017-08-07 14:12:00 - Jornalista: Equipe Secom
Compartilhe:  
Foto de pessoas segurando acessórios de computador
Foto: Arquivo Secom
No primeiro semestre deste ano foram coletados e encaminhados pra reciclagem 371 quilos de resíduos eletroeletrônicos

Com o objetivo de disciplinar o descarte de resíduos e orientar a população, o setor de Resíduos Sólidos da Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade (Sema) da Prefeitura de Macaé atua com três programas e uma campanha. São promovidos "Recicle seu óleo", "Coleta de eletroeletrônicos" e "Coleta de pneus". E a campanha "Operação papa-lâmpadas" que visa o recolhimento anual de lâmpadas fluorescentes.

De acordo com a coordenadora do setor de Resíduos Sólidos, a analista ambiental e bióloga, Gabriela Certório, há uma diferenciação dos termos “resíduo” e ''lixo''. "Enquanto o termo 'lixo' está relacionado a materiais considerados inúteis, que são descartados, e que não possuem qualquer tipo de valor, a palavra 'resíduo' está relacionada a materiais que possuem valor econômico agregado, com possibilidade de reciclagem no processo produtivo", define.

Do ano de 2014 ao mês de junho de 2017, a Sema enviou para reciclagem e destinação ambiental adequada 1.781 toneladas de pneus, 12.350 litros de óleo vegetal, 3.641 quilos de resíduos eletroeletrônicos e dez mil lâmpadas fluorescentes. Os resíduos foram tratados segundo seu volume, peso, grau de periculosidade ou degradabilidade. Isso implicou a realização de procedimentos especiais para o seu manejo e destinação, considerando os impactos negativos e os riscos à saúde e ao meio ambiente.

Programa de coleta de óleo vegetal

Consiste no recolhimento de óleo vegetal. O óleo descartado incorretamente causa danos ao ambiente, como contaminação de solo, rios, mares e lagoas; entupimento de ralos e tubulações de esgoto, aumentando o custo da operação e manutenção da rede. Em parceria com o Programa de Reaproveitamento de Óleos Vegetais do Estado do Rio de Janeiro (Prove), a Secretaria de Ambiente recebe óleo vegetal em garrafa PET em 12 pontos de entrega voluntária.

Todo material coletado é encaminhado para reciclagem, sendo usado como matéria-prima na produção de sabão, detergente e de fontes de energia alternativas, como o biodiesel. Para mais informações, ou entrega de grandes quantidades, deve ser feito contato telefônico com a Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade, pelo telefone (22) 2772-1810. No primeiro semestre de 2017 foram coletados e encaminhados pra reciclagem 5.602 litros de óleo vegetal.

Programa municipal de coleta de resíduos eletroeletrônicos

Os resíduos eletroeletrônicos são compostos por baterias, pilhas, equipamentos de informática, de telefonia, fios, cabos e outros. A armazenagem destes é difícil por causa do volume gerado. Possuem substâncias nocivas à saúde e ao meio ambiente em suas composições. Para oferecer aos munícipes e aos órgãos da administração pública uma alternativa adequada de destinação de seus resíduos eletroeletrônicos, até que os fabricantes, importadores, distribuidores, comerciantes implementem a logística reversa no município, a Secretaria de Ambiente realiza o programa de coleta de eletroeletrônicos.

A coordenadora do setor de Resíduos Sólidos, Gabriela Certório, explica que descartes de pequenos volumes podem ser feitos no ponto de entrega voluntária localizado na Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade, que fica na Avenida Rui Barbosa, 1725, primeiro piso, loja 26, Alto Cajueiros, Macaé Shopping. Para descarte de grandes volumes ou mais informações, entrar em contato com a Secretaria de Ambiente. No primeiro semestre de 2017 foram coletados e encaminhados pra reciclagem 371 quilos de resíduos eletroeletrônicos.

Programa municipal de coleta de pneus

O pneu inservível retém água, gerando risco ao meio ambiente e à saúde pública. Abandonado ou disposto inadequadamente, exposto à chuva, se torna criadouro de vetores de doenças, como o mosquito Aedes aegypti – transmissor da dengue, zika vírus e chicungunha. Para oferecer às pessoas e aos órgãos da administração pública um destino conveniente para pneus inservíveis, a Secretaria de Ambiente e Sustentabilidade realiza o recolhimento de pneus nas borracharias do município semanalmente seguindo as rotas centro, norte, sul e serra.

- Orientamos aos donos incluir as borracharias nas rotas, solicitando a coleta de pneus fora dos depósitos- explica a coordenadora. Todo o material coletado é encaminhado pra reciclagem, por meio de convênio com a Reciclanip, entidade que representa a Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos (ANIP) na responsabilidade pós-consumo. No primeiro semestre de 2017 foram coletados e encaminhados pra reciclagem 286 toneladas de pneus.

Operação papa-lâmpadas recolhe fluorescentes

As lâmpadas fluorescentes possuem substâncias tóxicas em sua composição. Seu descarte inadequado causa impactos negativos ao meio ambiente e à saúde. Para oferecer aos cidadãos e aos órgãos da administração pública uma alternativa sustentável de destinação de suas lâmpadas fluorescentes até que seja implementada a logística reversa pelos fabricantes, a Sema realiza anualmente campanhas de coleta deste material.

As lâmpadas serão descontaminadas e encaminhadas para reciclagem e alocação apropriada. "Orientamos a população a não descartar suas lâmpadas no lixo, que todos as armazenem na embalagem original ou em papelão ou jornal. Deverão ser entregues nos locais de compra ou guardadas até a próxima Operação Papa Lâmpadas", completa a coordenadora Gabriela.

Logística reversa - A logística reversa tem o objetivo de que os produtos comercializados tenham por parte dos produtores, comerciantes e importadores uma reintrodução na cadeia produtiva. Isso vale para os resíduos eletroeletrônicos, pneus, óleo vegetal e lâmpadas fluorescentes.

+ Mais Notícias
Busca

Destaque