Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Infraestrutura

Mercado de Peixes será ampliado com novo anexo

2018-06-26 16:25:00 - Jornalista: Julie Silveira
Compartilhe:  
Foto do Mercado de Peixe em obras
Foto: Ana Chaffin
Nova estrutura vai contar com 16 bancas, beneficiando comerciantes e clientes

As obras do anexo do Mercado de Peixes de Macaé, antigo restaurante popular Prato Cheio, no Centro, irão garantir um espaço fixo aos comerciantes de pescados que, atualmente, trabalham na tenda externa do espaço. Com 360 metros quadrados, a nova estrutura vai contar com 16 bancas, além de quatro outras destinadas para acolher hortifruti, lanchonete e a floricultura que, atualmente, também estão na tenda. O anexo seguirá os padrões de qualidade, higiene e controle do pescado, de acordo com as normas de vigilância sanitária.

O anexo vai beneficiar comerciantes e clientes. "A obra é fundamental para todos, principalmente aos comerciantes que sairão de área provisória para ponto fixo, ganhando referência e, com isso, podendo aumentar suas vendas", pontuou o Secretário de Obras, Saulo Ramos, acrescentando que a previsão é de que os trabalhos sejam concluídos dentro de dois meses.

Comerciante de pescado há 23 anos, Gilberto Santana acredita na força de uma espaço adequado para um negócio de sucesso. "Aqui, na área provisória, eu vendo cerca de 100 kg de pescado por semana. Acredito que no novo espaço minhas vendas aumentem em 30%. Vamos poder atender melhor, com mais cuidado e dignidade", afirmou.

Mercado de Peixes é referência - As obras do anexo dão sequência à revitalização da região, iniciada em 2015, com a reinauguração do Mercado de Peixes, pelo prefeito Dr. Aluízio. O mercado municipal ocupa uma área de cerca de mil metros quadrados, com 44 bancas, para o comércio de pescado. O local é considerado um dos mais bonitos espaços arquitetônicos da cidade, funcionando num prédio de dois andares. Também é o maior da região nessa atividade, agregando beleza, qualidade e convívio.

Somente no período do inverno, o Mercado de Peixes comercializa cerca de 400 toneladas de pescado por mês. No restante do ano, a produção chega a dobrar.

+ Mais Notícias