Prefeitura Municipal de Macaé

Alunos do Ensino Fundamental têm acolhimento especial

2018-02-08 10:52:00 - Jornalista: Joice Trindade
Compartilhe:  
Crianças chegando com seus pais na escola
Foto: Arquivo Secom/Guga Malheiros
Trabalho integrado entre escola e família ajuda a criança a se sentir segura para se desenvolver e socializar

Com a volta às aulas, os estudantes do Ensino Fundamental têm um acolhimento diferenciado nas primeiras semanas de estudos. A recomendação é da Superintendência de Ensino Fundamental, que tem como proposta o desenvolvimento de estratégias pedagógicas, que visam à melhor adaptação dos alunos, em especial dos primeiro e sexto anos de escolaridade. A medida visa contribuir para que os alunos tenham uma transição suave em relação a professores, espaço, materiais, novos agrupamentos e avaliação.

Unidades da área central, bairros e região serrana realizam atividades específicas junto aos alunos do sexto ano, que estão iniciando o ano letivo. As estratégias da rede municipal visam a promoção de situações que favoreçam a adaptação ao novo segmento; articulação entre os professores e demais funcionários da escola, além do estabelecimento de parceria com a comunidade escolar (pais ou responsáveis).

A Escola Municipal Olga Benário Prestes (São José do Barreto) é um dos exemplos. Cerca de 180 alunos do sexto ano participaram de reunião com os pais na segunda-feira (05). Segundo o diretor, Márcio Fidélis, as quatro novas turmas de sexto ano serão inseridas no contexto escolar de uma forma objetiva e interativa. "A adaptação contribui com o processo de ensino", pontua.

Na oportunidade, a equipe gestora apresentou como é o funcionamento da escola e quais serão as ações para o ano de 2018. Além disso, os estudantes elaboraram em um mural frases que destacam os sonhos e metas para os próximos meses.

A intenção é que os estudantes tenham nas primeiras semanas de aula acolhimento quanto às expectativas, normas de convivência, frequência escolar e prática da leitura. Até o dia 9 de março, todas as escolas deverão promover encontros com os responsáveis pelos estudantes.

De acordo com o secretário de Educação, Guto Garcia, a prioridade é motivar os alunos a frequentar assiduamente as aulas. Ele ressaltou que os alunos que ingressam no primeiro e segundo segmento do Ensino Fundamental necessitam de uma atenção especial, pois estão em fase de transição. "Além do incentivo ao desempenho, esta será a forma de pais e responsáveis se aproximarem ainda mais da vida escolar", destaca.

Guto Garcia lembra que a proposta da Superintendência de Ensino Fundamental é assegurar o direito de aprendizagem dos alunos. "Apresentamos sugestões para auxiliar o acolhimento dos alunos com o objetivo de promover a interação e a permanência do estudante na escola", pontua a superintendente de Ensino Fundamental, Balade Aref.

Busca

Acesso Rápido

Destaque