Continua campanha de vacinação contra gripe

2019-04-16 16:56:00 - Jornalista: Genimarta Oliveira
Compartilhe:  
Foto: Bruno Campos
A partir da próxima semana, a vacinação passará a ser para puérperas e idosos, além dos demais grupos prioritários

A Secretaria de Saúde de Macaé segue com a campanha de vacinação contra a gripe em 31 unidades, com funcionamento de 8h às 17h. O objetivo da imunização é reduzir as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza.

Segundo a responsável pelo Programa de Imunização, Luciana Santos, desde o início da campanha, no último dia 10, foram vacinadas 800 crianças de seis meses a seis anos incompletos e aproximadamente cem gestantes, grupo priorizado pelo Ministério da Saúde. "Atendendo às solicitações, os idosos que estão comparecendo às unidades recebem a vacina", pontuou.

A partir da próxima semana, a vacinação passará a ser para todo grupo prioritário: puérperas (até 45 dias após o parto), pessoas com 60 anos ou mais, trabalhadores de saúde (com comprovação), professores das escolas públicas e privadas, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições especiais, independente da idade (a apresentação da prescrição médica, especificando o motivo da indicação é obrigatória no ato da vacinação).

A vacinação segue até 31 de maio e a meta da Secretaria de Saúde é imunizar 54 mil pessoas que fazem parte do público-alvo. No sábado, 4 de maio, acontece o Dia D da Vacinação.

A doença

A influenza é uma doença respiratória infecciosa de origem viral, que pode levar ao agravamento e ao óbito, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco para as complicações da infecção.

Nos casos mais graves, geralmente, existe dificuldade respiratória e há necessidade de hospitalização. Nesta situação, denominada Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG), é obrigatória a notificação às autoridades de saúde.

O período de incubação do vírus influenza varia entre um e quatro dias. Os sinais e sintomas da doença são muito variáveis, podendo ocorrer desde a infecção assintomática, até formas graves.

Saiba onde se vacinar:

1. CASA DA VACINA ENFª BERNADETE FRANCO PACHECO (Rua Antero Perlingeiro , 76, Centro);

2. PRONTO-SOCORRO AEROPORTO (Rua Curunhango, 46, Parque Aeroporto);

3. ESF AJUDA B (Estrada do INCRA, S/N);

4. ESF AJUDA C (Loteamento Atlântico Norte);

5. ESF AROEIRA (R. Eucaliptos, 184);

6. ESF ATERRADO DO IMBURO (R. Principal, S/N);

7 .ESF BARRA BRASÍLIA A /B (Av. Luiz Lírio, 821 - Barra);

8. ESF JARDIM FRANCO (R. Dois, S/N);

9. ESF AREIA BRANCA;

10. ESF BICUDA GRANDE;

11. ESF BICUDA PEQUENA;

12. ESF CAJUEIROS (Rua Marcial Alves Moreira, 51);

13. ESF CÓRREGO DO OURO A/ B (Av. Miguel Peixoto Guimarães, S/N);

14. ESF ENGENHO DA PRAIA (Av. Lagomar, 122);

15. ESF FRADE (R. Principal, S/N);

16. ESF FRONTEIRA A/B(Rodovia Amaral Peixoto, S/N);

17. ESF GLICÉRIO (R. Arquiteto Luiz Pinto, S/N);

18. ESF HORTO (Estrada do Horto);

19. ESF IMBETIBA (Rua Zamenhoff, 150, Imbetiba);

20. ESF LAGOMAR A/D (Av. Quissamã, S/N);

21. ESF LAGOMAR B/C (R. W18 Sentido W01, S/N);

22. ESF MORRO DE SÃO JORGE (R. Abílio Correa Borges, 182);

23. ESF NOVA ESPERANÇA A/B (R. São Mateus, S/N);

24. ESF NOVA HOLANDA A /B (R. Nove, S/N);

25. ESF PRAIA CAMPISTA (R. Luiza Lírio do Vale, 158);

26. ESF SANA (Rua Principal, S/N);

27. ESF TRAPICHE (R. Comandante Gerson, S/N);

28. ESF VIRGEM SANTA (Estrada Virgem Santa, S/N);

29. ESF VISCONDE (R. Zilda Zarur s/nº, Novo Visconde);

30.UBS BARRAMARES – Rua Raul Seixas s/n , Loteamento Barramares;

31.UBS IMBOASSICA ( Rua Ismael Batista Filho nº 42 . antiga rua A, Imboassica.

Busca

Acesso Rápido

Destaque