Fórum debaterá valorização da vida e prevenção ao suicídio

2019-09-09 14:45:00 - Jornalista: Elis Regina Nuffer
Compartilhe:  
Foto: Arte do evento
Temáticas serão abordadas dentro do contexto escolar

O 1º Fórum Intersetorial sobre 'Valorização da vida e prevenção ao suicídio no contexto escolar' será realizado nesta quarta-feira (11), a partir das 8h30, no auditório Claudio Ulpiano, bloco A, na Cidade Universitária, para profissionais da Educação e da Saúde Mental. As inscrições podem ser feitas no próprio local. O objetivo é ampliar o debate sobre o cenário epidemiológico, sinais e comportamento suicida, quais os fatores de risco e proteção relacionados e o papel da rede intersetorial na prevenção e acolhimento.

O evento é realizado pela Prefeitura de Macaé, por meio de parceria entre o Programa Saúde na Escola (PSE), integração das Secretarias Municipais de Educação e Saúde, e a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Setembro foi escolhido para as discussões porque é o mês amarelo de atenção ao tema. Quem quiser falar dos seus medos e angústias pode ligar, gratuitamente, para a linha direta 188, que funciona 24 horas e foi criada para orientar sobre as dores e emoções. O serviço existe com ajuda de voluntários que atuam nos atendimentos.

Durante o Setembro Amarelo serão realizadas várias ações que levem à conscientização sobre a importância da vida. A coordenadora do Programa, Claulimara Lopes, destacou que as atividades do mês envolvem equipes multidisciplinares compostas por profissionais da saúde e educadores. Até o fim do mês acontecem palestras, terapias e oficinas com estudantes de 14 escolas, do 6º ao 9º anos, incluindo duas da rede estadual, chamando atenção para a prevenção.

Entre as atividades, está a distribuição de laço amarelo, símbolo da campanha. O Dia Mundial de Prevenção ao Suicídio é 10 de setembro e, no Brasil, a data foi criada em 2015 pelo Centro de Valorização da Vida (CVV), o Conselho Federal de Medicina (CFM) e a Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP). No mundo, a campanha existe desde 2003, encampada pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Mais informações sobre a campanha no site www.setembroamarelo.org.br.

Busca

Acesso Rápido

Destaque