Secretaria Adjunta de Ensino Superior

Observatório da Cidade de Macaé



1 – APRESENTAÇÃO

O Observatório da Cidade de Macaé tem sua sede na Cidade Universitária, sendo efetivado por meio de parceria acadêmica, na constituição de uma rede interinstitucional que reúne agentes públicos de universidades, instituições privadas de ensino, gestão pública municipal e instituições parceiras.

Tem como objetivos principais analisar as transformações em curso na cidade de Macaé, promovendo uma avaliação contínua e sistemática da conjuntura social e econômica em que o município se insere.

Reconhecendo e valorizando o importante papel desempenhado pelas instituições de Ensino Superior enquanto dinamizadoras do processo de desenvolvimento local e regional, o Observatório proporciona ainda mais o estreitamento da relação entre a gestão pública, a Universidade e as instituições de ensino e pesquisa.

É uma iniciativa da Prefeitura de Macaé, sendo desenvolvido pela Secretaria Adjunta de Ensino Superior, da Secretaria Municipal de Educação.

1.1 FILIAÇÃO

PREFEITURA MUNICIPAL DE MACAÉ
Aluizio dos Santos Júnior

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO
Carlos Augusto Garcia

SECRETARIA ADJUNTA DE ENSINO SUPERIOR
Marcio Magini

1.2 –ESTRUTURA

COORDENAÇÃO
Scheila Ribeiro de Abreu e Silva – UENF/PMM

CONSELHO ACADÊMICO DE GESTÃO
Aline César de Jesus – PMM
Alfredo Luiz Pessanha Manhães – UERJ/PMM
Ana Carolina Barreto da Silva Couto-UFRJ
Bruno Barzellay Ferreira da Costa - UFRJ
Darana Carvalho de Azevedo – UFF-Niterói/PMM
Giuliano Alves Borges e Silva - UFF
Inês Leoneza de Souza - UFRJ
Isabela Barboza da Silva Tavares Amaral - UFRJ
Maria Inês Paes Ferreira – IFF-Macaé
Sabrina Nunes Dias da Silva Barbosa - PMM
Vitor Yoshihara Miano – IFF-Macaé

CONSELHO EDITORIAL
Em processo de adesão voluntária.

NÚCLEO DE ESTUDO E PESQUISA
O Observatório da Cidade de Macaé é composto por um uma equipe interinstitucional e interprofissional, reunindo agentes governamentais, pesquisadores, Universidades e Faculdades sediadas no município, além de instituições diversas, organizados num Núcleo de Estudo e Pesquisa, voltado à criação e fomento de uma rede de informações e conhecimentos sobre a realidade local e regional, numa perspectiva de adesão voluntária à cooperação acadêmica na esfera municipal.

Uma das principais características do Núcleo é reunir instituições e pesquisadores através da cooperação acadêmica e intercâmbio científico, na constituição de uma rede de conhecimentos que possa vir a desvelar as práticas, representações, continuidades, rupturas e formas de interpretar a vida na cidade, a distribuição de suas riquezas e recursos, acesso a bens e serviços, através de métodos de pesquisa específicos aos objetos de estudo.

Em processo de adesão voluntária.

2 – CAMPOS DE ESTUDO

O trabalho do Observatório desenvolver-se-á em quatro campos, nas escalas local e regional:

• Trabalho e Economia e - Estudo das dinâmicas do mundo do trabalho e das relações da evolução da economia, considerando os processos de transformações do mundo do trabalho e reestruturação produtiva, da precarização do trabalho, informalidade e desemprego; e o modo como afetam a vida das famílias, a atividade das empresas e a vida social; diversificação da economia e os arranjos municipais;

• Estado, Sociedade e Políticas Sociais - Estudo referente ao acesso e à qualidade dos bens e serviços, na garantia dos mais básicos direitos sociais (saúde, educação, habitação, justiça, território, cultura, identidade, entre outros) e nos processos de produção e agravamento das desigualdades sociais;

• Planejamento e Gestão da Infraestrutura Urbana – Estudo dos processos de planejamento e gestão do ambiente construído, considerando a preservação de sua identidade, particularidades e o desenvolvimento sustentável;

• Gestão ambiental e desenvolvimento sustentável – Estudo referente ao processo desenvolvimento local e regional a partir de suas múltiplas dimensões, considerando a ampliação do conhecimento relacionado aos indicadores de sustentabilidade e de gestão na esfera de políticas públicas.

3 - METODOLOGIA

Ocorrerá de duas formas:

a) Através do desenvolvimento de pesquisa, considerando o monitoramento das transformações ocorridas em escala local e regional e a análise de indicadores e estudos sobre a realidade da cidade. Utilizar-se-á tanto metodologias quantitativas como qualitativas de análise.

- Tomar-se-á como fontes de dados quantitativos, as bases de dados das instituições públicas e privadas do município e do país, dentre outras instituições relevantes. Essas instituições também fornecem fontes qualitativas relevantes, tais como documentos, legislação, dados administrativos específicos.

- As metodologias qualitativas também serão desenvolvidas através de fontes diversas tais como a aplicação de questionários estruturados, a realização de entrevistas, a realização de observações diretas, o desenvolvimento de observações participantes, além do uso e produção de material audiovisual.

b) No âmbito da gestão das atividades do Observatório, o que supõe a participação e colaboração dos parceiros vinculados ao projeto.

- Tal processo de gestão implicará o acompanhamento e avaliação constante das atividades do Observatório, com realização de reuniões periódicas dos parceiros e de avaliações técnicas com equipes especializadas de pesquisadores e alunos.

- A divulgação dos estudos, análises e todo conjunto de informações será, pois, objeto de permanente avaliação da coordenação do Observatório e dos parceiros reunidos num Conselho de Gestão.

- O conselho de gestão é definido segundo normas próprias a serem elaboradas pelos parceiros do projeto, isto é, as instituições e órgãos que dele participam.

Atividades:

a) Reuniões periódicas com as instituições parceiras para discutir e definir os estudos, análises, documentos, etc., a serem publicados.

b) Reuniões periódicas com o grupo de pesquisadores a fim de definir e acompanhar as pesquisas a serem realizadas, os dados e estudos a serem publicados e as formas de publicação dos mesmos;

c) Atividades de extensão visando estabelecer o debate e a reflexão crítica sobre as transformações do mundo do trabalho na região.

4 – PUBLICAÇÕES

LIVRO
Clique aqui para acessar o E-Book “Macaé, do caos ao conhecimento”.
Assista ao vídeo de apresentação do E-Book "Macaé, do caos ao conhecimento".

REVISTA/BOLETIM

BANCO DE PESQUISAS REFERENTES À CIDADE
Chamada para publicação em edição especial por meio de parceria entre o Observatório da Cidade de Macaé e a Revista studos de Administração e Sociedade - UFF

ERRATA - Chamada para publicação em edição especial por meio de parceria entre o Observatório da Cidade de Macaé e a Revista studos de Administração e Sociedade - UFF
Busca

Destaque