Secretaria de Ordem Pública

Maria da Penha: prefeitura promove capacitação para agentes

2019-06-27 14:59:00 - Jornalista: Liliane Barboza
Compartilhe:  
Foto: Rui Porto Filho
O evento mostra dados do desempenho da Patrulha Maria da Penha

A capacitação para os agentes da Guarda Municipal Integrantes da Patrulha Maria da Penha foi realizada, nesta quinta-feira, (27), no Paço Municipal. Um dos objetivos do encontro foi mostrar os dados dos atendimentos de violência contra a mulher no ano de 2018, além de estudos de casos em grupo.

A coordenadora da Patrulha Maria da Penha, Márcia Bolívar, mostrou dados dos atendimentos no ano de 2018. Segundo o relatório, foram 304 medidas protetivas deferidas pelo Juizado Especial Criminal (Jeacrim). Dessas, 14 foram renovações e 26 delas envolviam menores de idade que foram encaminhadas para o Conselho Tutelar.

"A Patrulha Maria da Penha atende maiores de idade. Foi verificado que 18 se tratavam de mulheres que residiam fora de Macaé ou se mudaram para a cidade em função de violência sofrida", informou.

Durante a sua apresentação a coordenadora Márcia destacou que as assistidas tinham idade de 18 a 78 anos e o maior índice de mulheres vítimas de violência foram nos bairros Lagomar, Parque Aeroporto e Centro.

"No entanto, verificamos que os casos de violência acontecem em todas as classes sociais e independe do nível de escolaridade. A maioria dos crimes é de ameaça e lesão corporal", ressaltou. Ela informou ainda sobre um caso de feminicídio registrado no município.

A capacitação contou também com o relato do agente da Patrulha Maria da Penha, Paiva Júnior, que destacou o trabalho desenvolvido nas escolas com o programa "Maria da Penha vai às Escolas". No período da tarde, foi realizado estudo de casos de violência contra a mulher.

Patrulha Maria da Penha

A Lei Municipal 4350/2017 da Patrulha Maria da Penha foi aprovada no município. Os agentes que trabalham nesse projeto recebem qualificação para atuar nos casos de violência contra a mulher e contam com o apoio do Grupo de Apoio Operacional (GAOp) e da Polícia Militar.

O modelo da Patrulha Maria da Penha de Macaé é referência no Estado do Rio de Janeiro, onde muitos municípios buscam mais informações de como ela funciona e é aplicada na prática.

No caso de violência contra a mulher, a população poderá entrar em contato pelos telefones 2796-1328, 0800.2822108 e o WhatsApp (22) 99707-2085.

+ Mais Notícias