Prefeitura Municipal de Macaé

Secretaria de Saúde

Integração: Programa de Saúde Mental realiza Festa Retrô

2018-11-06 17:28:00 - Jornalista: Equipe Secom
Compartilhe:  
Foto da festa.
Foto: João Barreto
Músicas dos anos 60, 70, 80 e 90 animaram o grupo

Músicas dos Beatles, Mickael Jackson, As Frenéticas, Erasmo Carlos e outras dos anos 60, 70, 80 e 90 animaram o grupo de 150 pessoas, nesta terça-feira (6), na Rinha das Artes, numa atividade intitulada "Festa Retrô". O público era constituído por pessoas com sofrimento psíquico grave, seus familiares e amigos. Os assistidos fazem parte do Programa de Saúde Mental da Prefeitura de Macaé - formado pelos Centros de Atenção Psicossocial (Caps) Betinho, Infantil e Álcool e Outras Drogas (ad), além do o Núcleo de Saúde Mental.

De acordo com coordenadora do evento, a psicóloga Fabrice Sanches, o objetivo da Festa Retrô foi permitir a integração das pessoas que fazem tratamento no Programa de Saúde Mental com a sociedade. "A nossa intenção é desconstruir o estigma que eles sofrem por causa do transtorno mental grave. Queremos facilitar a convivência deles em termos sociais e comunitários, para que não se isolem durante o tratamento", explica ela.

Profissionalismo e carinho

Com síndrome do pânico, Edilson Costa, de 60 anos, frequenta o Programa de Saúde Mental da Prefeitura de Macaé há 17 anos. Ele ressaltou que 70% do que sabe na vida, aprendeu no local. "Graças à competência e ao carinho de profissionais e estagiários minha saúde emocional está bem. Gosto da dança circular e da musicoterapia. Participei de muitas viagens e passeios. O Caps Betinho é a nossa segunda família", relata.

Já Jaime Procópio, de 59 anos, sofre de esquizofrenia. Para ele a Festa Retrô anima a todos os pacientes de psiquiatras, elevando sua autoestima. "No Caps Betinho, o atendimento pessoal faz a diferença. Em 2001, tive de interromper o trabalho devido à doença. Fui encaminhado aos cuidados do setor de saúde mental. A partir daí, nunca mais fui internado. Consegui estabilidade para manter o controle emocional, através da medicação", testemunha.

CiemH2 participa do evento

Parceria entre o Programa de Saúde Mental e o CiemH2 possibilitou aulão de dança, quando o bailarino, produtor e professor Luiz Philipe utilizou músicas de Justin Timberlake, Kirk Franklin e Earth, Wind and Fire. "A meta da parceria é promover acessibilidade e satisfação pela música e dança para todos os públicos: jovens, adultos e crianças, incluindo pessoas com sofrimento psíquico grave", conclui.

+ Mais Notícias